terça-feira, 2 de fevereiro de 2010


Essa rixa do Pet com o Marcos Braz, com certeza não é de hoje.

O Marcos Braz, sem dúvida nenhuma foi muitíssimo importante na nossa campanha do Brasileirão ano passado, e é até hoje.
Mas pelo que leio das pessoas que o conhecem, ele parece ser áspero. Não grosso, apenas áspero. Daquelas pessoas que, se você não conhecê-la bem, pode julgar muito mal. Mas ao conhecer, ela pode parecer uma pessoa boa. E ele, pelo que me parece, é assim.

O Pet sempre foi meio marrentão. Arrogante, às vezes. De uns tempos pra cá, ele parou com
essa fanfarronice. Mas também não é flor que se cheire.

Como geral está ligado, tudo no Flamengo é gigante. Se vence de 1 a 0, parece goleada. Se perde de 1 a 0, parece que o mundo acabou. E não é só nos resultados que isso acontece, nos bastidores também.

Eu acho que pôrra, o Pet foi AFASTADO, e não DEMITIDO. E foi afastado pelo DIRETOR DE FUTEBOL, e não pela PRESIDENTE, que é quem manda.

Foi criada uma tempestade em copo d'água, quando nem discussão houve (sic).
É necessário que a imprensa, que muitas vezes é marrom-cocô, falar a verdade e só a verdade. Não diminuir, nem aumentar. O Flamengo é gigante, mas nem por isso devemos fazer com que todos os problemas e picuinhas sejam também. Afinal, ele não foi pra casa. Só deu um rolé na Tijuca (sic).

Saudações Rubro-Negras e apertos de mão, Yuri E.

2 comentários:

Thais disse...

É, as pessoas não podem mais dá um rolé na Tijuca que vira esse mimimi todo...
aah pelo amor de Deus. Na minha época...

[CRF]Raulzin disse...

A Imprensa aumenta um pouco e o povo aumenta mais, é foda. O cara só foi afastado até a reunião, não foi demitido

Arquivos do Blog

Parcerias

Adicione nosso logo em seu Blog.